Venha conosco para a Cúpula dos Povos

sábado, 22 de março de 2008

CIBERAÇÃO PELA DESCRIMINAÇÃO DO ELEITOR FALTOSO



CIBERAÇÃO PELA DESCRIMINAÇÃO DO ELEITOR FALTOSO

por Jacob (J.) Lumier


Creative Commons License
Dentre as várias razões para uma ciberação pela descriminação do eleitor faltoso a mais importante não é somente o fato de que existam precedentes para o propósito de suprimir as punições ao eleitor faltoso; nem a inutilidade da despesa do contribuinte para custear a faina inócua de relacionar os nomes dos quase dois milhões de eleitores faltosos e afixa-los nos cartórios eleitorais.

O mais importante aqui é a confirmação do ponto de vista do pluralismo altermundialista cuja mirada pela globalização solidária afirmando uma realização desejável torna possível a descoberta da realidade social, para além do irrealismo incrustado no universo das altas finanças a fixar o futuro reduzido à incógnita da crise econômica atual como tarefa de “decifrar a faticidade do que não é”.

A perda do contato da realidade social contamina e impregna de irrealismo o conhecimento político, atualmente desviado pelo descalabro de impor uma tremenda carga punitiva cerceando a liberdade de expressão do votante desta forma submetido à ideologia do desclassificado.

Permanece no esquecimento que a qualidade universal do sufrágio não resulta simplesmente do comparecimento massivo do grande número em razão da autoridade burocrática, sem motivação política real. Ao invés de produzir legitimidade, o regime punitivo imposto sobre o votante nas eleições induz a um círculo vicioso descaracterizando qualquer tendência política pública pela ampla disparidade das escolhas a que é levado o eleitor coagido em relação a candidatos, chapas, programas, posturas sem par que elege.


Diante dessas razões cabe por contra promover o propósito de suprimir as punições ao eleitor faltoso e a sugestão que acolho aqui neste Blog é uma Ciberação em torno ao seguinte posicionamento:



MANIFESTO PARA UMA CIBERAÇÃO
JUNTO AOS CONGRESSISTAS DO PODER LEGISLATIVO EM BRASÍLIA.

COPIE O TEXTO ABAIXO E
ENVIE E-mail AO SEU DEPUTADO OU SENADOR

Os eleitores contrários à obrigatoriedade do voto na Democracia e inconformados ante o abusivo constrangimento punitivo que os atinge em seu direito/prerrogativa de exercer seu voto nas eleições em liberdade de expressão se unem neste MANIFESTO para demandar AÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE DA Lei nº.4.737, de 15 de julho de 1965 (Código Eleitoral) juntamente com as providências indispensáveis para suprimir de imediato toda a cominação de sanções a fim de assegurar ao eleitor colocado em suposta falta sua prerrogativa para impugnar tal dispositivo que o atinge.

Data, Nome (ID), E-mail.



OBS.
Envie cópias aos candidatos às eleições municipais deste ano para que incluam este assunto em suas campanhas e denunciem os artigos do Código Eleitoral que penalizam o eleitor faltoso, desclassificam o cidadão e tornam os brasileiros excluídos de sua própria nacionalidade.
Selecione os artigos punitivos diretamente do texto legal do Código Eleitoral no seguinte link: http://www.planalto.gov.br/CCIVIL/LEIS/L4737compilado.htm

Ou copie a postagem deste Blog de Sábado, 23 de Fevereiro de 2008 que os seleciona seguinte: IDEOLOGIA E IRREALISMO: O VOTANTE BRASILEIRO É ELEITOR OU DESCLASSIFICADO ?


Saiba mais acessando o espaço do Grupo WSF2008 Contribuição à Reflexão Sociológica.

****************************************************************************

Nenhum comentário:

BLOGOSFERA PROGRESSISTA

Arquivo do blog

Seguidores

JACOB (J.) LUMIER NA O.E.I.

Partilhar


Share/Save/Bookmark Support CC Add to Google Add to Technorati Favorites Technorati Profile Compartilhar Delicious Bookmark this on Delicious
Central Blogs

Liga dos Direitos do Homem

Greenpeace

Greenpeace
L'ONG non violente, indépendante et internationale de protection de l'environnement